Daoud: Chegou a hora de o produtor parar de depender dos bancos

O plano safra ainda não tem data certa para ser lançado, e está longe do ideal para o setor produtivo. Segundo a  Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), por exemplo, vai ser menor nesta safra e o aumento no número de pedidos de recuperação judicial tem deixado os financiadores em alerta.

Meu amigo, peço a sua atenção neste momento. Faça um cálculo simples e compare o que você investe e sua rentabilidade, não será surpresa se perceber que os bancos estão ganhando muito dinheiro nesta equação. E este é o meu ponto na questão do financiamento.

Vivemos uma situação no Brasil em que os preços estão fora do lugar. Esse câmbio que subiu muito rapidamente elevou o custo de produção e financiamento. Você, meu amigo, precisa rever os seus critérios.

Esqueça o governo, porque não há dinheiro para nada. Teremos um bom plano safra? Não sei, pois é preciso saber a taxa de juros, afinal, não adianta ter uma taxa de juros de 8% ou 9% com uma rentabilidade de 2% a 3%. Não é possível pagar as contas!

Ao fazer aquela conta que falei no início do texto, você vai perceber que está transferindo a sua renda para outros setores. O que você sempre fez no passado, não serve para o momento atual ou para o futuro. É preciso se reiventar e ter cada vez mais independência financeira para fugir o quanto puder dos juros.

Muita atenção, porque a situação não é grave, ela é gravíssima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *