-

Final do Freio de Ouro vai reunir 14 ginetes campeões. Guto Freire é quem leva mais animais

Hoje vamos falar daqueles que têm a responsabilidade de treinar e apresentar os cavalos finalistas do Feio de Ouro. 44 ginetes do Brasil, Argentina e Uruguai garantiram vaga na Expointer. Destes, 14 já conquistaram o título máximo da competição. Guto Freire é quem mais classificou animais neste ciclo: 4 fêmeas e 5 machos. Como os…

16 de julho de 2019 às 20h49

Hoje vamos falar daqueles que têm a responsabilidade de treinar e apresentar os cavalos finalistas do Feio de Ouro.
44 ginetes do Brasil, Argentina e Uruguai garantiram vaga na Expointer. Destes, 14 já conquistaram o título máximo da competição.
Guto Freire é quem mais classificou animais neste ciclo: 4 fêmeas e 5 machos. Como os proprietários de JA Libertador já confirmaram o retorno do bicampeão, o ginete, que conquistou o Freio quatro vezes, garantiu pelo menos 10 cavalos em Esteio (podendo até aumentar o número, com dois reservas bem pontuados). JA Libertador tem vaga direta na final por ser o atual campeão. Guto venceu três classificatórias nesta temporada: Bocal de Ouro (Abraço do Camboim), Aberta (Honrada Cimarron) e Gaúcha (Jangadeiro do Nonoai).

Guto Freire e Raul Lima, campeões do Freio estão em mais uma final. Guto é o ginete com mais cavalos. Foto: Felipe Ulbrich

Daniel Teixeira vem logo em seguida com 8 animais (6 fêmeas e 2 machos). Atual campeão das fêmeas com Independência do Espigão, o castilhense tem três títulos na carreira e venceu a última seletiva disputada em Campo Grande (MS), montando Invernada do Espigão (irmã paterna de Independência).
O terceiro ginete com mais animais em Esteio será Gabriel Marty. Atual campeão da Expo FICCC, com Colibri Matrero, Marty tenta o título inédito no Brasil com 7 cavalos (6 fêmeas e 1 macho). O uruguaianense venceu duas etapas neste ano: Bocal de Ouro (Desavença dos Castanheiros) e Montevidéu (Pacifica Ta Pronta).
Outros dois ginetes campeões do Freio classificaram 6 animais. Dudu Quadros (2 fêmeas e 4 machos) e Raul Lima (1 fêmea e 5 machos).
O bicampeão Fabinho Teixeira da Silveira leva 5 cavalos (2 fêmeas e 3 machos). O ginete de Santa Cruz do Sul (RS) ganhou a etapa uruguaia com Peñarol da Boa Vista.
Zeca Macedo, quatro vezes campeão, classificou 4 animais (1 fêmea e 3 machos).
Com três cavalos: Cláudio Fagundes (2 fêmeas e 1 macho) e Fabrício Barbosa (2 fêmeas e 1 macho).
Levam dois animais: Antonieto Rosa (2 fêmeas); Daniel Cunha (1 fêmea e 1 macho); Adriano Streck (2 fêmeas); Lindor Collares (2 fêmeas); Bruno Rosa (2 fêmeas); Charles Fagundes (2 fêmeas); Marcelo Moglia (1 fêmea e 1 macho); Fagão (1 fêmea e 1 macho); Jardel Pereira (1 fêmea e 1 macho) e Ricardinho Wrege (2 machos).
Com um exemplar classificado na divisão das fêmeas: Milton Castro, Ignacio Fortuni, Luis Dure, Horácio Casin, Libamar Novello, Miguel Souza, Júlio Hax e Juan Peirano. Com um macho: Gustavo Delabary, Fernando Andriguetti, Marcio Maciel, Adriano Comunello, Francisco Alves, Felipe Delias, Marcone Braga, Thomaz Gonçalves, Luis Gustavo Rodrigues, Pedro Garziera, Juan Segovia, Alejandro Moreno, Cláudio Rodrigues, German Barale, Cassio Jardim, Iuri Barbosa e Felipe Krüger.

Ginetes finalistas campeões do Freio de Ouro

Guto Freire, Daniel Teixeira, Dudu Quadros, Raul Lima, Fabinho Teixeira da Silveira, Zeca Macedo, Cláudio Fagundes, Antonieto Rosa, Lindor Collares, Milton Castro, Marcelo Moglia, Gustavo Delabary, Marcio Maciel e Adriano Comunello.

Ginetes destaque do ciclo de classificatórias 2018

JESÚS MARÍA (ARG)
Fêmeas: Ignacio Fortuni (Tinajera Salvadora)
Machos: Pedro Garziera (Calden En Su Ley)

BOCAL DE OURO (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Gabriel Marty (Desavença dos Castanheiros)
Machos: Guto Freire (Abraço do Camboim)

MONTEVIDÉU (URU)
Fêmeas: Gabriel Marty (Pacifica Ta Pronta)
Machos: Fabinho Teixeira da Silveira (Peñarol da Boa Vista)

ABERTA (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Guto Freire (Honrada Cimarron)
Machos: Gustavo Delabary (Quício Tupambaé)

GAÚCHA (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Júlio Hax (Dama Alegre do Rebuliço)
Machos: Guto Freire (Jangadeiro do Nonoai)

ARARANGUÁ (SC)
Fêmeas: Fabrício Barbosa (Ibérica da Vendramin)
Machos: Daniel Cunha (La Encruzilhada Jalisco)

CAMPO GRANDE (MS)
Fêmeas: Daniel Teixeira (Invernada do Espigão)
Machos: Thomaz Gonçalves (Operário do Infinito)

Por Sandro Fávero

-

Final do Freio de Ouro vai reunir 14 ginetes campeões. Guto Freire é quem leva mais animais

Hoje vamos falar daqueles que têm a responsabilidade de treinar e apresentar os cavalos finalistas do Feio de Ouro. 44 ginetes do Brasil, Argentina e Uruguai garantiram vaga na Expointer. Destes, 14 já conquistaram o título máximo da competição. Guto Freire é quem mais classificou animais neste ciclo: 4 fêmeas e 5 machos. Como os…

16 de julho de 2019 às 20h49

Hoje vamos falar daqueles que têm a responsabilidade de treinar e apresentar os cavalos finalistas do Feio de Ouro.
44 ginetes do Brasil, Argentina e Uruguai garantiram vaga na Expointer. Destes, 14 já conquistaram o título máximo da competição.
Guto Freire é quem mais classificou animais neste ciclo: 4 fêmeas e 5 machos. Como os proprietários de JA Libertador já confirmaram o retorno do bicampeão, o ginete, que conquistou o Freio quatro vezes, garantiu pelo menos 10 cavalos em Esteio (podendo até aumentar o número, com dois reservas bem pontuados). JA Libertador tem vaga direta na final por ser o atual campeão. Guto venceu três classificatórias nesta temporada: Bocal de Ouro (Abraço do Camboim), Aberta (Honrada Cimarron) e Gaúcha (Jangadeiro do Nonoai).

Guto Freire e Raul Lima, campeões do Freio estão em mais uma final. Guto é o ginete com mais cavalos. Foto: Felipe Ulbrich

Daniel Teixeira vem logo em seguida com 8 animais (6 fêmeas e 2 machos). Atual campeão das fêmeas com Independência do Espigão, o castilhense tem três títulos na carreira e venceu a última seletiva disputada em Campo Grande (MS), montando Invernada do Espigão (irmã paterna de Independência).
O terceiro ginete com mais animais em Esteio será Gabriel Marty. Atual campeão da Expo FICCC, com Colibri Matrero, Marty tenta o título inédito no Brasil com 7 cavalos (6 fêmeas e 1 macho). O uruguaianense venceu duas etapas neste ano: Bocal de Ouro (Desavença dos Castanheiros) e Montevidéu (Pacifica Ta Pronta).
Outros dois ginetes campeões do Freio classificaram 6 animais. Dudu Quadros (2 fêmeas e 4 machos) e Raul Lima (1 fêmea e 5 machos).
O bicampeão Fabinho Teixeira da Silveira leva 5 cavalos (2 fêmeas e 3 machos). O ginete de Santa Cruz do Sul (RS) ganhou a etapa uruguaia com Peñarol da Boa Vista.
Zeca Macedo, quatro vezes campeão, classificou 4 animais (1 fêmea e 3 machos).
Com três cavalos: Cláudio Fagundes (2 fêmeas e 1 macho) e Fabrício Barbosa (2 fêmeas e 1 macho).
Levam dois animais: Antonieto Rosa (2 fêmeas); Daniel Cunha (1 fêmea e 1 macho); Adriano Streck (2 fêmeas); Lindor Collares (2 fêmeas); Bruno Rosa (2 fêmeas); Charles Fagundes (2 fêmeas); Marcelo Moglia (1 fêmea e 1 macho); Fagão (1 fêmea e 1 macho); Jardel Pereira (1 fêmea e 1 macho) e Ricardinho Wrege (2 machos).
Com um exemplar classificado na divisão das fêmeas: Milton Castro, Ignacio Fortuni, Luis Dure, Horácio Casin, Libamar Novello, Miguel Souza, Júlio Hax e Juan Peirano. Com um macho: Gustavo Delabary, Fernando Andriguetti, Marcio Maciel, Adriano Comunello, Francisco Alves, Felipe Delias, Marcone Braga, Thomaz Gonçalves, Luis Gustavo Rodrigues, Pedro Garziera, Juan Segovia, Alejandro Moreno, Cláudio Rodrigues, German Barale, Cassio Jardim, Iuri Barbosa e Felipe Krüger.

Ginetes finalistas campeões do Freio de Ouro

Guto Freire, Daniel Teixeira, Dudu Quadros, Raul Lima, Fabinho Teixeira da Silveira, Zeca Macedo, Cláudio Fagundes, Antonieto Rosa, Lindor Collares, Milton Castro, Marcelo Moglia, Gustavo Delabary, Marcio Maciel e Adriano Comunello.

Ginetes destaque do ciclo de classificatórias 2018

JESÚS MARÍA (ARG)
Fêmeas: Ignacio Fortuni (Tinajera Salvadora)
Machos: Pedro Garziera (Calden En Su Ley)

BOCAL DE OURO (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Gabriel Marty (Desavença dos Castanheiros)
Machos: Guto Freire (Abraço do Camboim)

MONTEVIDÉU (URU)
Fêmeas: Gabriel Marty (Pacifica Ta Pronta)
Machos: Fabinho Teixeira da Silveira (Peñarol da Boa Vista)

ABERTA (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Guto Freire (Honrada Cimarron)
Machos: Gustavo Delabary (Quício Tupambaé)

GAÚCHA (ESTEIO/RS)
Fêmeas: Júlio Hax (Dama Alegre do Rebuliço)
Machos: Guto Freire (Jangadeiro do Nonoai)

ARARANGUÁ (SC)
Fêmeas: Fabrício Barbosa (Ibérica da Vendramin)
Machos: Daniel Cunha (La Encruzilhada Jalisco)

CAMPO GRANDE (MS)
Fêmeas: Daniel Teixeira (Invernada do Espigão)
Machos: Thomaz Gonçalves (Operário do Infinito)

Por Sandro Fávero