Entidades do agro em MT apoiam escolha para Ministério da Agricultura

A notícia ecoou rápido e foi bem recebida pelos produtores rurais do maior celeiro do Brasil. Tanto nas redes sociais, quanto nas páginas oficiais e – claro – nas “rodas de conversas”, não faltou apoio à indicação de Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias para o comando do Ministério da Agricultura no governo Bolsonaro. Em Mato Grosso, a Deputada Federal (DEM-MS) e atual presidente da Frente Parlamentar Agropecuária, foi amplamente parabenizada e “aprovada” pelo campo.

O presidente da Famato, Normando Corral, considerou a escolha muito positiva. Na avaliação dele “a deputada reúne todas as qualidades para ocupar o cargo, é produtora rural, tem liderança no setor e preside a FPA”.

A Aprosoja-MT também se manifestou. Reforçou em nota que, apesar de ter apoiado outro nome para a pasta, reconhece que a escolha pela deputada também dará peso ao setor no MAPA. Antônio Galvan, presidente da entidade, ressaltou que a Aprosoja-MT “certamente dará total apoio à nova ministra” e que “torce para que ela faça um excelente trabalho na solução das dificuldades do setor agrícola brasileiro”.

A indicação também recebeu apoio da Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat). Em nota, o presidente Gutemberg Carvalho parabenizou a deputada e disse que a escolha “mostra a qualidade e liderança exercidos pela deputada no setor produtivo.” Gutemberg conclui afirmando que “com certeza o teremos bom trabalho em prol do agro”.

Outras entidades, como a Acrimat e o Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB) também manifestaram apoio à futura Ministra. Confira os detalhes no vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *